fbpx
matriz csd

Matriz CSD: entenda o que é e como utilizar essa ferramenta para inovar na sua empresa

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Procurando ferramentas de inovação para a sua empresa? Conheça a Matriz CSD, uma ferramenta capaz de ajudar a tirar projetos do papel e criar novos produtos e serviços inovadores. Continue lendo!

Quantas vezes você iniciou um novo projeto sem nenhuma dúvida? Uma vez? Nunca? Bom, todos concordamos que é quase impossível, certo?

Muitas vezes percebemos que não temos todas as informações necessárias para iniciar um novo trabalho e, às vezes, isso acontece porque o briefing não foi tão completo quanto desejávamos ou porque a equipe tem percepções muito diferentes sobre o mesmo projeto.

Embora ter percepções diferentes não seja tão ruim, o problema começa quando perdemos muitas horas preciosas discutindo nossas diferentes percepções sem seguir em frente . 

Às vezes a solução é simples. Pelo menos na teoria. 

Tudo o que precisamos fazer é ligar para o nosso cliente e perguntar o que quisermos. Mas, e se eu tiver outras dúvidas? Posso ligar para ele a cada duas horas para discuti-los? Bem… isso parece ser bem desagradável.

Muitas vezes, as equipes ficam paralisadas porque precisam esperar por uma resposta a um e-mail ou conversar com a “pessoa certa” para obter as respostas certas.

É cansativo, todo mundo fica entediado e geralmente leva a uma solução final não muito boa.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Matriz CSD: um método organizado para encontrar a melhor solução

A Matriz CSD — Certezas, Suposições e Dúvidas — é uma ferramenta de desenvolvimento de projetos que funciona a partir de algumas questões importantes para o desenvolvimento de ideias, produtos ou serviços:

  • O que nós já sabemos a respeito?
  • Quais são as nossas hipóteses? (ou o que supomos saber?)
  • Quais perguntas poderiam ser feitas?

A matriz é, geralmente, utilizada em grupo e permite encontrar respostas sobre o futuro do projeto, de uma forma mais visual.

Como utilizar a Matriz CSD na prática?

A Matriz CSD consiste em criar três colunas no papel, numa lousa, parede, com post its ou mesmo em ferramentas online, como o Trello e o Miro.

Na primeira coluna, os integrantes do time colocam as Certezas (o que já é conhecido), na segunda coluna colocam as Suposições (hipóteses levantadas) e na terceira coluna colocam as Dúvidas (o que precisa ser investigado). Veja o exemplo:

matriz csd

Essas anotações, em cada coluna, podem ser de qualquer aspecto do projeto, ideia, produto ou serviço que esteja sendo construído, mas a matriz também vai servir como um retrato do que a equipe já sabe e do que ainda pretende descobrir.

Resumidamente, a ideia é reunir o time e escrever tudo o que vem à mente sobre o novo projeto. Veja:

  • O que parece ser a verdade absoluta, dever colocada na coluna de Certezas;
  • Quando existem opiniões diferentes sobre o mesmo assunto, o post it vai para a área de Suposições;
  • Tudo o que você considera pessoalmente certo vai para a coluna de Suposições, até que se prove o contrário;
  • A coluna de Suposições evita discussões demoradas, permitindo que a equipe avance e se concentre no que é realmente certo;
  • Para tudo o que é desconhecido sobre o projeto, existe a coluna das Dúvidas.

Todas essas áreas podem ser preenchidas com informações (ou perguntas) sobre tudo sobre o projeto. Eles podem ser sobre: ​​o alvo, motivações, desejos, objetos, processos, aspectos comerciais, etc. Tudo vale!

Por que utilizar a Matriz CSD no desenvolvimento de projetos?

A Matriz CSD é uma ferramenta poderosa e ágil para começar um novo projeto, produto ou serviço.

Veja este exemplo:

Digamos que a sua empresa está preste a iniciar um processo de desenvolvimento de um novo produto ou serviço.

Uma boa ideia criar um momento entre os colaboradores, para que seja usada a Matriz CSD como uma ferramenta para explorar o contexto da empresa e para que os participantes compartilhem diferentes percepções sobre o mercado, o produto e a empresa.

Neste sentido, essa ferramenta vai servir para abrir horizontes, promover a gestão da informação e do conhecimento da equipe e contribuir para um bom alinhamento desde o início do projeto.

Além disso, a Matriz CSD também pode direcionar as primeiras pesquisas, o ponto de atenção inicial e ajudar a refinar o desafio que a equipe vai atacar.

A principal vantagem é deixar claro qual o ponto de dor mais importante a resolver primeiro. Mas, além disso, a ferramenta também pode ser utilizada para definir os próximos passos ou mesmo ficar presente durante todo o projeto como um retrato do que está acontecendo.

No final, é possível ter uma ideia clara do que todos sabem e não sabem sobre o projeto. O importante é que, após a criação da matriz CSD, seja possível decidir facilmente o que precisa ser feito, além de definir onde e como obter cada tipo de informação que está faltando.

A Matriz CSD pode (e deve) ser utilizada durante todo o projeto, sendo revisada e constantemente atualizada até que todas as dúvidas sejam resolvidas e as certezas se multipliquem.

Gostou deste artigo? Continue lendo sobre inovação e confira a nossa lista de 7 livros sobre inovação para você ler ainda esse ano. Boa leitura!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Umbora - Experiências Educacionais

Av. Washington Soares, 909 salas 83 A | B, Edson Queiroz, Fortaleza – CE

+55 (85) 3241.5759
+55 (85) 99139.0285

#umboranessa

© 2018 Umbora. Todos os direitos reservados. CNPJ: 27.212.739/0001-13